Ok

En poursuivant votre navigation sur ce site, vous acceptez l'utilisation de cookies. Ces derniers assurent le bon fonctionnement de nos services. En savoir plus.

QUEIMADA

  • Chegada de Fatima à comunidade portuguesa-Martigny

    No passado dia 7 ,organizada pela missao catolica portuguesa de Martigny, decorreu uma procissao pelas ruas de Martigny precedida de uma missa. contou com centenas de conpatriotas alguns deles oriundos da nossa regiao.

    de salientar a presença de diveros coros portugueses da regiao valais e tambem de um coro suiço.

    a celebraçao foi este ano conduzido nas 2 linguas, propossionando um excelente momento luso-helvético , que pelo sucesso alcançado sera probabelmente reconduzido.

    mais uma vez por convite de Serafim Santos de Queimada, apoei com a minha modesta contribuiçao fotografica a divulgaçao deste evnto que cada ano que passa ganha importancia na regiao.

    agradecementos aos parocos suiços e português pela celebraçao, aos coros,ao rancho folclorico, aos responsaveis pela decoraçao do andor e às entidades politicas e policiais de Martigny (centro fechado ao transito par permitir a passagem da procissao)

    brevemente um album disponivel nesta pagina.

  • esta pagina recomenda

    A Direção-Geral da Saúde (DGS) recomenda a adopção de medidas gerais de prevenção destinadas à população em geral e medidas específicas para pessoas mais vulneráveis aos efeitos do calor, nomeadamente:

    • Crianças nos primeiros anos de vida;
    • Pessoas com 65 ou mais anos;
    • Portadores de doenças crónicas;
    • Pessoas que desenvolvem actividade no exterior, expostos ao sol e/ou ao calor;
    • Praticantes de actividade física;
    • Pessoas isoladas e em carência económica e social.   

     

    Para se proteger dos efeitos negativos do calor intenso tenha em atenção as seguintes recomendações:

    • Mantenha o corpo hidratado e fresco;
    • Mantenha-se protegido do calor;
    • Utilize protector solar com factor igual ou superior a 30;
    • Mantenha a casa fresca;
    • Mantenha-se especialmente atento e proteja-se se tiver algum problema de saúde;
    • Mantenha-se em contacto e atento aos outros;
    • Mantenha-se informado.

     

    Para mais informação:

    • ligue para a Linha Saúde 24 (808 24 24 24).
    • Em caso de emergência ligue para o 112.
  • aldeias de Armamar e a maçã de montanha

     

    Armamar é um destino surpreendente mesmo para quem acha que já viu tudo! Paisagens únicas entre caminhos totalmente envoltos na natureza.

    foto

    Maçã de Montanha é o nome dado à rota turística criada pela autarquia em parceria com dois agentes ligados ao setor do turismo da região duriense.
    A rota percorre a vertente sul do Município onde a vinha dá lugar a um magnífico jogo de cores e sabores. O recorte das paisagens modifica-se com o aparecimento das macieiras, uma das referências da produção agrícola de Armamar.
    Um produto que sugere que parta à descoberta da maçã de montanha entre os meses de abril e outubro permitindo-o acompanhar o ciclo vegetativo, recolha, armazenamento e escoamento da maçã. O turista pode contactar com produtores, visitar pomares, unidades de armazenamento de maçãs, provar as delícias gastronómicas da região e vislumbrar paisagens singulares que ficarão para sempre registadas na memória.
    Delicie-se com sabores de comer e chorar por mais e aceite o caloroso acolhimento de uma gente que recebe da melhor forma quem os visita. O cabrito assado no forno apresenta-se por todo o município, assim como os conhecidos queijos produzidos em Vila Nova, ex-libris da região. A diversidade de paisagens e condições climatéricas proporcionam a produção de vinhos de excelente qualidade, acompanhamento essencial da gastronomia.
    Nos centros históricos a oferta varia entre as casas de relevante interesse arquitetónico e os monumentos de época que retratam crenças dos povos e costumes ancestrais. Verdadeiros tesouros que levam a história das gentes lutadoras e orgulhosas da região além fronteiras.
    Os visitantes têm a oportunidade de percorrer um território rico em património natural e histórico, vivenciando múltiplas experiências. Um Município excepcional que oferece hospitalidade e emoção a cada descoberta.

    Acompanhe-nos e percorra a rota

    foto

    A partida é feita do monumento erigido a Armamar, Capital da Maçã de Montanha na entrada sul da vila, seguindo para a empresa de armazenamento Pomar Douro. O percurso tem passagem pelas aldeias de Tões e Queimada. É em São Romão que o visitante tem contacto direto com os pomares de macieiras. A ermida da Senhora das Dores em Santiago é local de paragem onde o turista tem a oportunidade de apreciar a beleza histórica e natural da região. Há ainda oportunidade de visitar a fábrica de queijos em Vila Nova. Na localidade de Lumiares envolvemo-nos na história e saberes populares de gentes ligadas às tradições antigas. A viagem continua por Gojim, Armamar e termina na ermida de São Domingos em Fontelo.
    O monumento a Armamar, Capital da Maçã de Montanha simboliza a importância da fruticultura na economia da população. A qualidade da maçã de Armamar é reconhecida a nível nacional e o seu peso na economia da região é relevante. Com cerca de 1600 ha de área plantada, colhem-se por ano uma média de 55 mil toneladas de maçãs.
    A Pomar Douro, produtos agrícolas, Lda. é uma das unidades de armazenamento que possui câmaras frigoríficas onde são conservadas muitas toneladas de maçãs até ao seu escoamento para o mercado. As maçãs passam por controlo de qualidade, desde o pomar passando pelo modo de tratamento até à colheita.
    Em Tões a produção agrícola da freguesia incide na vinha e na fruta com destaque para a maçã. Em tempos e face à intensa produção de trigo e centeio o monte Raso era considerado o grande celeiro da freguesia e arredores. A paisagem deste lugar é singular, daqui se avista grande parte do município num misto de cores e recortes.
    O sector primário é fonte de rendimento da freguesia de Queimada. Os campos possuem grande potencial agrícola destacando-se na produção de vinho, batata, fruta e produtos hortícolas. Queimada situa-se num planalto junto do monte de São Domingos e em pleno vale de Naçarães, local rico do ponto de vista arqueológico. O nome da freguesia de São Romão surge do padroeiro da paróquia. Terra antiga foi-lhe atribuída honra de cavalaria na idade média, isto significa que fora em tempos uma das terras atribuídas a “ricos-homens” para que cuidassem dos cavaleiros que haveriam de servir na guerra. Nos dias de hoje predominam os pomares de maçãs e as vinhas que resultam na produção dos vinhos da região do Távora - Varosa.
    A freguesia de Santiago recebeu carta de foro a 1169 por D. Afonso Henriques. O espólio religioso é rico em história e detalhes. A capela da Senhora das Dores encontra-se fora da povoação e é um marco de culto e beleza. Enquadrada no recinto da feira que se realiza no primeiro domingo de cada mês.
    Em Vila Nova predominam as indústrias caseiras de laticínios e carne, resultado da atividade pastorícia. É conhecida como a terra dos queijinhos de cabra e por um produto que é dos melhores rótulos da gastronomia de Armamar, o Cabritinho.
    A localidade de Lumiares é muito antiga e foi cabeça de concelho e condado. Obteve foral antigo, casa de câmara, vereadores e justiças próprias com juiz. Do espólio destaca-se a capela paroquial da senhora da Graça e o pelourinho transformado em cruzeiro.

    foto

    A Casa Grande em Gojim é o único solar existente no Município. Imóvel de uma beleza arquitetónica, imponência e importância foi residência dos condes de Vila Flor e Alpedrinha. A introdução do pomar em vez de vinha deve-se a D. Francisco Vilhena, engenheiro agrónomo e 9.º conde de Vila Flor e 2.º de Alpedrinha.
    A vila de Armamar está situada numa encosta íngreme e tem aos seus pés a cascata da Misarela. Sede do Município é aqui que se encontram as infra-estruturas e os serviços que dão apoio a toda a população. Do património histórico merece visita a Igreja Matriz de São Miguel de Armamar, monumento nacional. No centro da vila tem à disposição os serviços do posto de turismo.
    Fontelo foi elevado a concelho através de foral Manuelino em 1514, extinguido depois em 1834/35. A ermida de São Domingos é um excelente miradouro e é considerado um dos locais mais bonitos da região para apreciar a beleza do Alto Douro Vinhateiro. Aqui reside o culto antigo da fraga da fertilidade. Consta que os casais que tivessem dificuldades em conseguir ter filhos dormiam ao relento sobre a pedra propiciatória, ou fraga da fertilidade, junto da porta da sacristia da ermida.

    Armamar é Terra de Emoções!
    Integrado na região demarcada do Douro, o município possui características únicas e é nomeado cada vez mais como destino de eleição entre a oferta turística regional. Uma alternativa à tradicional oferta turística massificada.
    Neste projeto colaboram agentes locais de fruticultura, restauração, alojamento, promotores de eventos e agentes de viagens. Os responsáveis pela gestão de cada sítio disponibilizam informação precisa sobre cada local proposto e outras sugestões para que o turista enriqueça a sua visita.
    Uma iniciativa que pretende divulgar a região e torná-la num centro catalizador de oportunidades e potencialidades.

    in:dodouro

  • alguem pode explicar isto?

    20130906_121723.jpg

    Esta foto foi enviada por um visitatnte desta pagina e de ferias em QUEIMADA este verao deparou com este poste no meio do passeio entre outro poste e um signal.

    explique quem puder ,qual foi a ideia? barrar a passagem? medidas mal feitas? empregados pouco profissionais?

    seja como for é incrivel ver que este tipo de situaçoes se passam em 2013.

     

     

     

  • por:Carvalho António

    965999_312161318916453_212611680_o.jpg

    R O T U N D A: A rotunda da Portela na Freguesia de Queimada de Armamar,irá ficar mais ou menos assim,com esta foto indica.Será feita brevemente conforme promessa dos Senhores Presidentes,será feita antes da festa de S.P EDRO 29 e 30 deste mês corrente.O tempo está a passar e ainda não se vê nada que indique tal facto.Vamos a isto, Senhores Presidentes porque a procissão vai lá passar.
  • Freguesia de Queimada

     

     

     

     

     

     

    CONVITE

     

     A Junta de Freguesia de Queimada convida toda a população para a inauguração do monumento da Rotunda do Serradoiro, no dia 13 de Janeiro de 2013 com a realização de uma missa as 11h00 e no final desta a inauguração.

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

                                                                                     

     

     

     

  • O A L E R T A -OBRAS COMEÇADAS E NÃO ACABADAS

     

                                                                                                                                                                                                                                                                                      FREGUESIA DE QUEIMADA COM SEU PADROEIRO

    S. PEDRO E S. PAULO

                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                    

     

    EXº SENHOR PRESIDENTE, a população de Queimada pergunta a Vº Exª para quando o fim das obras, sabem que as condições dos Pais não são as melhores, mas estas obras já deviam ter terminado antes da crise, não foram por que motivo?    

     

                   

     

    - Há cerca de doze ou mais anos foram iniciadas as obras no sarradoiro, parque de lazer e rotunda, obras que a população lhe chama as obras de Stª Engrácia que nunca mais têm fim, e dam à rotunda o nome de (a rotunda dos milhares), e em relação aos Lotes de terreno para construção que ficam junto ao inacabado parque de lazer, já ouve alguém interessado em comprar, em que situações se encontram? Se alguém sabe, a população desconhece, para quando o fim destas obras, ou será que as verbas destinadas para estes trabalhos foram desviadas para outros. Quem pode dar resposta a este problema?          

     

    - Na rua do Cotinho (mais conhecido pelo fundo do povo) a obra do precipício começou vai para quatro anos, aí o perigo é iminente, para quando a conclusão desta obra. Quem pode dar resposta a este problema?                                                                                 

     

    - As águas da Freguesia: como é do conhecimento de todos nós já há muitas famílias que não têm dinheiro para pagar a fatura da água, as águas em Queimada estão a ser impedidas de continuar o seu percurso que sempre tiveram à seculos impedidas pela abertura de furos talvez ilegalmente, e outas águas com mais de meio seculo impedidas de chegar ao deposito de baralha, pelo motivo de terem partido a canalização em grande extensão junto à preza de baralha, já lavai muito tempo que isto aconteceu, para quando a reposição da mesma, esperamos que a população não venha a ter que recorrer tão sedo a esta água.  

     

    - A rede de saneamento básico em Queimada data dos anos setenta, é composta por quatro foças situadas: Foça nº 1 – Cortenhal; Foça nº 2- Leiras; Foça nº 3- Casal; Foça nº 4- Lameirão;           

     

    As foças 3 e 4 foram construídas bastante tempo depois, talvez nos anos noventa para servirem a parte do Casal e Cotinho, dá a entender que o saneamento não tem manutenção pelo motivo de não se saber onde ficam as vigias da foça nº 4.

     

    À sensivelmente três ano foi construído o Centro Social de Queimada situado na rua do Calvário nº 27 Cód Postal: 5110-401 os esgotos do centro social foram ligados ao coletor que vai para a foça nº 4 – Leiras, nessa data o Presidente da Junta de Freguesia de Queimada, Senhor Horácio Teixeira Igreja, foi alertado para o que viria a acontecer, fez as diligências necessárias falando com o responsável do Centro social, Senhor Padre Leontino, com o engenheiro responsável pela obra, e por último com o Senhor Presidente da Câmara.

     

    Foi-lhe prometido que ia ser feita uma ETAR o mais breve possível para apanhar toda a rede de esgotos da freguesia, até hoje nada feito, nem a manutenção das existentes é feita.

     

    As foças estão a correr a céu aberto para o ribeiro, estão rotas, mas o mais grave de tudo isto é que a população de Queimada e Figueira regam as suas terras de cultivo com essas águas, como sabem os resíduos do centro social podem ser perigosos para esse efeito, os habitantes do Cotinho não podem abrir uma janela por causa dos maus cheiros que por ali pairam, principalmente no verão.

     

    Um dia quando a direção geral e local de saúde vierem a constatar estes problemas com certeza não vão gostar nada. Fica a pergunta: Para quando a solução destes problemas?                                                                                                            

     

     

     

    A.Carvalho

     

  • nascimento

    chupeta-nuk-citrus-ortodontica-n-2--1787665_2.jpg Damos as boas vindas à bebe Maria Leitão que nasceu no Domingo, dia 2 de Setembro as 11h05min, com 3.400 kg e 48cm na Maternidade Júlio Dinis no Porto

    Aos pais Carlos Leitão e Sara Silva e aos Avós "de Queimada"  António Leitão e Maria Cândida Leitão as mais sinceras saudaçoes e parabens.sem esquecer a titia babada,Elisabete que nos enviou a noticia

  • TOMADA DE POSSE DA DIRECÇÃO DO LAR E DA LIGA DE AMIGOS

    No dia 22 de Janeiro de 2012 realizou-se no Lar de S. João

    Baptista a tomada de posse da nova Direcção do Lar e da Liga

    de Amigos. A cerimónia teve início com a leitura da credencial

    de nomeação passada pelo Sr. Bispo de Lamego, e da acta

    da Direcção com a nomeação da Liga de Amigos. Seguiu-se um

    almoço convívio para todos os órgãos dirigentes e convidados.

    O evento decorreu durante toda a tarde iniciando com a actuação

    da cantora e nova presidente de Assembleia da Liga de Amigos

    Carla Maria. Em seguida juntaram-se os povos de Queimada, Queimadela,

    Tões, S. Romão e Figueira para cantar as janeiras a todos

    os presentes. Aproveitando a ocasião o Sr. Quim Roque de Figueira

    cantou-nos uma rapsódia acompanhado pela Carla Maria e pelo nosso Assistente Social, Dr. Rui Tomás.

    De seguida foi a vez do Rancho Folclórico de Travanca nos encher de alegria com os seus cantares, que logo

    de seguida cederam o lugar aos nossos idosos que encantaram com uma lindíssima encenação alusiva aos reis

    magos. O Rancho Folclórico de Gogim actuou imediatamente a seguir, deixando toda a gente com vontade

    de ouvir mais. Dando lugar ao grupo “Vida Que Desponta” de S.

    Romão, para mais uma vez nos maravilhar com a sua actuação.

    Para terminar em apoteose, os funcionários, os nossos

    idosos, juntamente com os elementos dos novos órgão nomeados

    a uma só voz cantaram o hino da nossa Instituição.

    Foi um momento de harmonia e união muito bonito sobr

    etudo

    para os nossos queridos utentes que ficaram muito

     

    felizes com este dia. Agradecemos á Carla Maria por nos ter

    gravado um instrumental do hino com a sua belíssima voz.

    E assim vivemos mais um dia, em grande, para a nossa instituição.

    Dr.ª Sónia Teixeira

  • O A L E R T A(por A.C.C.)

                                                                  

     

     

     

     

                             FREGUESIA DE QUEIMADA E O SEU PADROEIRO

     

                                                                  S.PEDRO E S.PAULO

     

    Livro verde da reforma da administração local (D V R A L) criação e extinção de freguesias.

     

    As novas leis do Governo, é Portugal afundar

    Ditou-nos assim a sorte de Freguesia continuar

     

    Queimada terra querida não te deixes enganar

    Andam ai falsos profetas intrusos que o nome te querem trocar ou furtar.

     

    Com muitos séculos de vida, era um crime sem igual

    Seria o maior desgosto, para o nosso povo em geral

     

    As Juntas de Freguesia eleitas para governar

    nunca podem permitir que as queiram manipular

     

    O S.Pedro de Queimada, faz um milagre geral

    Não deixes que os maus feitores, te possam vir a fazer mal

     

    Tem cuidado o S.Pedro vê se podes impedir

    Tem cuidado com os demónios que te querem substituir

     

    Em Queimada todos falam e toda a gente critica

    há um campo para a religião e um outro para a politica

     

    Se isto assim continuar, cria um mau estar profundo,

    se quiserem guerra santa vão para o terceiro mundo.